16mar

Um conflito familiar é uma situação delicada para aqueles que estão envolvidos. São questões difíceis que, muitas vezes, não podem esperar o desenrolar de uma decisão judicial. A mediação familiar cumpre um papel decisivo para resolver essas questões.

A mediação de conflitos pode ser o melhor caminho para resolver desentendimentos familiares. Quando parentes brigam, ou quando um casamento chega ao fim, invariavelmente a comunicação fica prejudicada. Muitos sentimentos vêm à tona e o diálogo fica comprometido. E quando não há diálogo, não é possível haver entendimento. É aí que a mediação pode ajudar.

Como funciona a mediação familiar?

A mediação familiar é feita através da criação de um ambiente favorável para que os envolvidos possam se entender. Mesmo que eles não queiram se encontrar, o mediador de conflitos faz o papel de ponte, buscando propostas construtivas e soluções que atendam aos interesses de todos. As reuniões com o mediador podem ser conjuntas ou individuais, pois ele está preparado para agir de forma imparcial, transmitindo as informações que possibilitarão a solução do conflito.

A função dele no processo de mediação familiar é sempre buscar as alternativas, focar nos interesses futuros e encerrar o conflito da melhor maneira possível.

Quando buscar a mediação familiar?

A mediação familiar é uma boa alternativa quando as pessoas querem resolver o problema. Em especial quando querem resolver rapidamente. Por exemplo, questões que envolvam guarda ou manutenção financeira dos filhos, partilha de bens ou distribuição de herança podem levar anos aguardando uma decisão judicial. Enquanto isso, os parentes se distanciam cada vez mais, o futuro da criança permanece indefinido e os bens são desvalorizados.

A mediação familiar traz mais benefícios do que um processo judicial ao definir um acordo que seja satisfatório para todas as partes. Portanto, ela é indicada para qualquer situação onde há possibilidade (ou vontade) de negociação.

Alguns benefícios da mediação familiar:

  • É mais rápida do que um processo judicial
  • Procura soluções através do diálogo
  • Preserva o relacionamento entre os envolvidos
  • Evita o bloqueio de bens e perdas financeiras
  • É mais barata do que processos judiciais
  • Evita que ocorram ainda mais desgastes emocionais

Para resolver questões familiares, conte com o mediador

Tomaz Solberg possui uma vasta experiência como mediador e está preparado para mediar e ajudá-lo a encontrar soluções consensuais. Deixe sua mensagem e ele o ajudará a avaliar se a mediação de conflito é mesmo a melhor alternativa para resolver seu impasse.

Agência Digital no RJ